“Guedes é um grande parasita da nação”, diz Josete ao cobrar respeito ao servidor público

“Um grande parasita é o senhor Paulo Guedes, ele que é investigado por fraudes em fundos de pensão”. A declaração foi dita nesta terça-feira (11) pela Professora Josete (PT), na tribuna da Câmara de Curitiba, em resposta a declaração do ministro da Economia do governo Bolsonaro que comparou os servidores públicos a “parasitas”.

A citação da vereadora refere-se a força-tarefa do Ministério Público Federal conhecida como Greenfield, que investiga fraudes contra fundos de pensão de funcionários do Banco do Brasil, Petrobrás e Caixa Econômica Federal. Desta ação já foram abertas 29 ações penais contra executivos dos fundos de pensão, entre eles Esteves Pedro Colnago Júnior, assessor especial do ministro.

Ao cobrar respeito ao funcionalismo público, a parlamentar citou uma parcela da sociedade privilegiada. “Temos os grandes sonegadores da Receita Federal, os milionários com isenções de seus grandes patrimônios, além dos altos cargos do Poder Judiciário. Estão ai os verdadeiros parasitas do Brasil”, apontou a petista.

Nesta segunda-feira (10), o ministro Paulo Guedes voltou atrás de sua declaração após a repercussão negativa. Ele pediu desculpas e afirmou que “se expressou mal”. “Não adianta pedir desculpas depois de dizer o que realmente pensa. Isso não ameniza sua declaração”, afirmou Professora Josete.

Para a vereadora, a fala de Guedes objetiva criminalizar o funcionalismo público. “Precisei trazer esse assunto à pauta, pois não podemos ouvir barbaridades e nos calar. Temos que se posicionar contra essa política de desmonte do estado e esse tipo discurso mentiroso que só leva a criminalização do servidor”, concluiu.

Foto: Rodrigo Fonseca/CMC

There are no comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Start typing and press Enter to search

Shopping Cart