Mobilização no MPF em Curitiba pede liberdade de Lula e saída de Dallagnol

Diversos atos em defesa da liberdade do ex-presidente Lula foram realizados em todo o país nesta segunda-feira, 24 de junho, no Dia Nacional de Agitação Lula Livre. Em Curitiba, militantes realizaram uma panfletagem no Terminal Guadalupe e uma mobilização em frente ao Ministério Público Federal (MPF), sede da Força Tarefa da Lava Jato, onde pediram a saída do procurador Deltan Dallagnol.

A vereadora Professora Josete (PT) participou das atividades e destacou a importância do diálogo com a população nas ruas. Em pronunciamento em frente ao MPF, a parlamentar falou sobre os vazamentos de áudios dos bastidores da Lava Jato, com diálogos entre o ex-juiz federal Sergio Moro e os procuradores do MPF, revelados pelo site The Intercept Brasil, reafirmando o caráter político da prisão de Lula, mantido na sede da Polícia Federal desde o dia 7 de abril de 2018.

Para Josete, o país vive um estado de exceção desde o impeachment da presidenta Dilma Rousseff. “A nossa Constituição foi rasgada e não seguimos mais os ritos legais. Temos um Judiciário parcial que se coloca à disposição do poder econômico, do grande capital e da entrega de nosso patrimônio. Por tudo isso estamos fazendo esse ato nacional no país inteiro, para esclarecer a população que defender a liberdade de Lula é defender a democracia e o estado democrático de direito”, afirmou.

Dia Nacional de Agitação Lula Livre

O Dia Nacional de Agitação foi convocado pelos Comitês Lula Livre em virtude da segunda turma do Supremo Tribunal Federal ter marcado a retomada do julgamento de um habeas corpus de Lula para esta terça-feira (25), porém a pauta foi adiada. Nesta semana, a Vigília Lula Livre, em frente à sede da PF, conta com a participação de caravanas do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), reunindo cerca de 400 pessoas para as mobilizações.

Texto e foto: Paula Zarth Padilha

 

Manifestação por Lula Livre no Centro de Curitiba, em frente ao MPF

Mobilização no MPF em Curitiba pede liberdade de Lula e saída de Deltan DallagnolManifestantes em defesa da liberdade do ex-presidente Lula realizam atos descentralizados nesta segunda-feira, 24 de junho, Dia Nacional de Agitação Lula LivreNo início da tarde desta segunda-feira, 24 de junho, militantes que defendem a liberdade do ex-presidente Lula realizaram uma ação em frente ao Ministério Público Federal (MPF), em Curitiba, sede da Força Tarefa da Lava Jato. Em pronunciamento num megafone, militantes pediam a saída do procurador Deltan Dallagnol e informaram que este era o primeiro recado ao MPF. Os manifestantes dialogavam com a população que circulavam pela região central de Curitiba. O ato contou com a participação da vereadora Professora Josete (PT), que falou sobre os vazamentos de áudios dos bastidores da Lava Jato, com diálogos entre o ex-juiz federal Sergio Moro e os procuradores do MPF, revelados pelo The Intercept Brasil, reafirmando o caráter político da prisão do ex-presidente Lula, mantido na sede da Polícia Federal na capital paranaense desde o dia 07 de abril de 2018.A segunda turma do Supremo Tribunal Federal havia marcado a retomada de julgamento de um habeas corpus de Lula para esta terça-feira (25), mas a pauta foi adiada. Nesta semana, a Vigília Lula Livre, em frente à sede da PF, conta com a participação de caravanas do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), reunindo cerca de 400 pessoas para as mobilizações.Texto: Paula Zarth Padilha#LulaLivre #LulaInocente #LulaPresoPolítico

Posted by PT Paraná on Monday, June 24, 2019

There are no comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Start typing and press Enter to search

Shopping Cart